frase do dia: ‘a homofobia é mais uma constatação da perda da ternura no mundo, ser
preconceituoso com os LGBTs é retroceder; além de prejudicar o crescimento humano.’

(letícia spiller - atriz brasileira)

última atualização: 19/08/2009 20:36:42

domingo, 25 de janeiro de 2009

homenagem a um gay: bobby griffith

Bobby Griffith e Mary Griffith

Bobby Griffith cresceu feliz e inteligente, um menino obediente e gentil. Na adolescência, descobriu sua atração por outros adolescentes de sua idade ou mais velhos e não por meninas. Por ser um devoto cristão ele estava muito consciente dos ensinamentos da Igreja que freqüentava juntamente com seu irmão, duas irmãs e sua mãe que ensinava na escola dominical. Por ter aprendido que ser gay era um dos piores pecados, ele acreditava ser um doente de corpo e deficiente de alma, que queimaria no inferno por toda a eternidade e que não era digno do amor de Deus.

Incapaz de lidar, diariamente, com os conflitos e lutas tanto com a sua família quanto com a sua religião, Bobby pulou de uma ponte sobre uma movimentada estrada em Portland, Oregon, em 27 de agosto de 1983 e morreu instantaneamente devido às lesões internas. Seu diário pessoal foi preenchido com palavras de ódio contra si próprio, por acreditar, como homossexual, ser um instrumento do diabo. E ele acreditava porque a sua Igreja e família assim o ensinaram. Sem qualquer razão para viver, por ser amaldiçoado, não viu outra saída além de pular para a morte, mesmo o suicídio sendo também punido com o fogo eterno.

Mary Griffith, sua mãe, estava convencida de que ela era a culpada da morte incompreensível do seu filho aos 20 anos de idade, devido a sua constante, incessante e contínuas citações dos versículos da Bíblia, numa campanha cruel feita por ela para convencê-lo a deixar de ser gay o que tanto a envergonhava. Após a morte do seu querido filho, a sua amada Igreja virou-lhe as costas e aos familiares. Não foram capazes de ajudá-los a explicar o que correu ou oferecer conforto. Ela na sua ignorância acreditava ter ajudado a empurrar Bobby da ponte, que sacrificou o seu filho em nome da rígida tradição religiosa quando ela deveria ter feito, era dizer-lhe que estava perfeitamente bem, tal como ele era.

Mary Griffith reconsiderou a sua teologia e crenças sobre homossexualidade quando ela própria procurou saber a verdade do que significa ser gay ou lésbica. Desde então ela tem feito uma cruzada nacional alertando jovens gays e lésbicas para os terríveis males que a sociedade organizada e a igreja tem infligido sobre esta minoria estigmatizada e sofrida. Além de tornar-se uma das mais visíveis ativistas da 'Associação Nacional de Pais, Familiares e Amigos de Lésbicas e Gays' (PFLAG) para que os pais compreendeendam e aceitem os seus filhos homossexuais.

Prayers for BobbySigourney WeaverEm 1989 Leroy "Roy" F. Aarons, jornalista e fundador da ‘National Lesbian and Gay Journalists Association’, após ler um artigo de jornal sobre o suicídio de Bobby Griffith, e seus efeitos sobre a mãe Mary Griffith escreveu o livro ‘Prayers for Bobby: A Mother’s Coming to Terms with the Suicide of Her Gay Son’ que foi publicado em 1995. Baseado no livro a atriz americana Sigourney Weaver interpretará Mary Griffith, no filme ‘Prayers for Bobby’, previsto para estrear nos EUA agora em janeiro. O filme ajudará os jovens de hoje a lidar melhor com a sua sexualidade e pode orientar famílias para que tragédias como a de Bobby Griffith não se repitam.

Por outro lado, o canal por assinatura americano "Showtime" está desenvolvendo o reality show ‘Way Out’. A emissora que é responsável por séries de sucesso como ‘The L Word’ e ‘Queer as Folk’, mostrará a reação dos familiares, amigos e dos próprios homossexuais diante da revelação de sua orientação sexual. O objetivo do programa é relatar as dificuldades dos jovens em ter uma vida dupla e entender as razões para alguns não se assumirem.

Temas relacionados:
as dores provocadas pelo armário







ganhei este mix de selos da requeri
do blog re ... bloggando

Obrigada amiga...

5 comentários:

Lezzie disse...

Que história triste,não é mesmo?! É uma pena que casos como esse aconteçam com as pessoas que se descobrem homossexuais e não encontram apoio de nenhuma parte. Quando eu atentei para o fato de que queria passar toda a minha vida ao lado de uma mulher, comecei uma grande busca (à princípio na Internet) por informações que pudessem me ajudar a compreender melhor o que eu estava sentindo. Eu gosto muito de vir aqui porque vc tem sempre uma informação importante para que as pessoas como nós compreendam q não estão de forma alguma sozinhas. Mega beijo pra vc!!!

requeri disse...

cascalho!!! pq vc some??? faz anos que to te mandando msg ... agora já sei como fazer, que nem cachorrinho, mostra um pedaço de bolo ele sai do cantinho ... beijo.

Vєrôηicα disse...

oie


tem tbm um selinho lá no meu Blog que vem com uma tarefa pra ganha um presente, espero que vc goste...
beijos

liv disse...

Mara,excentes artigos! Esta questao de moldar os sere é velha(o post abaixo deixa claro).A natureza em si nao ´moral ou imoral é normal.Mas...a cultura e a cultura religiosa tradicional impoe regras perversas e abusivas.Explico.Educar(?)pelo medo e a ignorncia é adoecer as pessoas.O que fez as igrejas^?Poder ´isso:dominaçao psicologica ou pelo terror(pecar,ser amaldiçoado,ser excluído).O poder quer ter individuos para manter o PODER e dominaçao.É politico.Bondade?qual poder o tem?Por isso Cristo negou ser Rei de qualquer coisa!Gandhi recusou ser MINISTRO da recem livre Índia.Ele dizia que o poder corrompe.Os papas são provas dessa corrupçao moral,ética e cristã.Sexo pecado^Pedofilos na igreja.Quer mais cinismo que isso?O filme vem em boa hora,temas assim salvarão tantos de muitas dores psiquicas.Os preconceitos se derrubam nao só por decreto mas por educaçao e respeito humano.AMAR deve ser a ORDEM maior.Mas,amr é ser livre e os poderosos nao querem isso.Beijão.

RAPHAEL disse...

EU ASSISTI O FILMA ORAÇÕE SPARA BOBBY ONTEM....NOSSA QUE FILME MARAVILHOSO GALERA!
EU CHOREI AOS BALDES.....E TENHO CERTEZA QUE VAI TOCAR AO CORAÇÃO DE TODO MUNDO A HISTORIA DESSE MENINO!


ASSISTAM É EXELENTE!!


RAPHAEL