frase do dia: ‘a homofobia é mais uma constatação da perda da ternura no mundo, ser
preconceituoso com os LGBTs é retroceder; além de prejudicar o crescimento humano.’

(letícia spiller - atriz brasileira)

última atualização: 19/08/2009 20:36:42

quinta-feira, 2 de julho de 2009

sombra e luz (16)

'Twitter', o famoso site de redes sócias caracterizado por mensagens estilo SMS, através da rede, é agora usado por fanáticos religiosos, principalmente norte-americanos, para propagar a idéia de que a culpa pela pandemia causada pelo vírus Influenza A (H1N1), conhecida como gripe suína, é a legalização do casamento gay, em alguns estados norte-americanos e, em geral, pela tolerância às comunidades gays. Só resta saber por que no México, onde não se permite o casamento gay, é que está o foco da doença. Deus errou o país, ou seria mais um ato sádico do todo poderoso criador, que nesses argumentos fanáticos, castigam os inocentes para responsabilizar os culpados? Enfim, entre chacotas, e provocações, algumas acusações são cruéis. Outras notícias vinculam lado a lado o casamento gay em Iowa e a gripe do porco, uma estranha coincidência, mas que de inocente nada tem.

shirley phelps roper

Pai e filha norte-americanos, pastores de uma igreja que prega ódio aos homossexuais, foram proibidos de entrar na Inglaterra por conta da cruzada violenta que apregoam contra gays. Fred Phelps e sua filha Shirley Phelps-Roper (foto) pertencem à ‘Westboro Baptist Church’ (WBC) e estavam produzindo um ruidoso protesto contra a peça ‘The Laramie Project’, que está em cartaz no ‘Queen Mary´s College’, em Bansingostoke, Inglaterra. A peça é focada na história de um homem gay assassinado por sua condição sexual.

A filha do pastor, Shirley, criticou a decisão do governo inglês, acusando-o de ‘sujo’ em pensar que tem o poder ‘para proibir a palavra de Deus de entrar em suas fronteiras’. A ‘UK Border Agency’, responsável por manter a família Phelps longe da Inglaterra, defendeu-se dizendo que se opõe a qualquer forma de extremismo, mas vão continuar proibindo a entrada daqueles que querem espalhar extremismo, o ódio e a violência na Inglaterra a partir de mensagens que entram no país. A exclusão política é dirigida a todos aqueles que procuram atiçar tensão e provocar outros a violência, independentemente das suas origens e crenças. Pai e filha são proibidos de entrar na Inglaterra por se envolveram em comportamento inaceitável por incitação ao ódio.

Ethan McNamee

Um garoto de apenas nove anos de idade resolveu tomar partido a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo. Ethan McNamee, da cidade de Denver, nos Estados Unidos, não entendeu o motivo do porque que suas vizinhas lésbicas não puderam se casar e organizou um protesto contra a proibição da união homossexual em seu estado do Colorado. Durante o ato, que reuniu cerca de 200 pessoas, foram recolhidas assinaturas a favor do casamento gay. Para organizá-lo, o menino contou com ajuda dos pais e da professora, que aplaudiram a iniciativa. Segundo Ethan, era comum ouvir insultos homofóbicos na escola, fato esse que o motivou a iniciar o protesto. Apesar das críticas de que Ethan é muito novo para ter uma opinião formada acerca do casamento gay, a professora do garoto, Kyle Kimmal, afirmou à imprensa local que ela foi cuidadosa em não impor sua própria visão sobre o assunto. (fontes: gospel glbt, acapa, mixbrasil)






selo que ganhei da new
do blog futebol de mini-saia


3 comentários:

Яoьεяτα disse...

Gostei do blog.
Passei pra conferir e vou voltar.

Beijãozão

Fabí disse...

Esse povo sei não...muita pobreza de espírito.
Mara, vc sabe alguma coisa sobre essa Igreja Metropolitana que está surgindo no Brasil?Uma igreja inclusiva a homossexuais.
Chegou em Fortaleza também.
Apesar de não ser protestante, to querendo conhecer.
Seria ótimo se vc fizesse um tópico sobre!
Abraço.

¿ ɐɥɔoɹ ɐןoןן disse...

oi lindona brigada seu presente esta no meu menu janela indiscreta xeros saudades some mais ñ.