frase do dia: ‘a homofobia é mais uma constatação da perda da ternura no mundo, ser
preconceituoso com os LGBTs é retroceder; além de prejudicar o crescimento humano.’

(letícia spiller - atriz brasileira)

última atualização: 19/08/2009 20:36:42

sexta-feira, 16 de maio de 2008

os homens que buscam os travestis

o escândalo com o jogador Ronaldo levantou uma questão: por que os homens procuram os travestis?

Dos homens que buscam os travestis, muitos parecem precisar de uma forma atenuada de sexo com outro homem. A ambigüidade dessa relação sugere muitas outras fantasias. O antropólogo americano Don Kulick passou um ano vivendo com travestis em uma cidade brasileira, sabe muito de seu cotidiano e mesmo de suas preferências íntimas. Mas não se arrisca a explicar quem são seus clientes. Embora acompanhasse os travestis todas as noites, mesmo assim, não pôde distinguir um cliente típico, mas conseguiu uma descrição razoavelmente rigorosa do que os fregueses exigem dos travestis.

Durante um mês, pediu a cinco deles que registrassem o tipo de serviço prestado nas ruas. O resultado de 138 programas: em 52% dos casos os clientes queriam sodomizar, em 19% exigiam sexo oral, 18% queriam fazer aquilo que se costuma chamar de 'troca-troca', 9% pagaram para ser sodomizados e 2% para ser masturbados. Não é insignificante que 27% dos homens nessa amostragem quisessem ser penetrados por travestis.

A confiar apenas no que dizem os travestis, o porcentual de seus clientes que se portam como homossexual passivo é alto. Se o travesti não for bem-dotado e ativo, não ganha a vida na rua. Assim como as prostitutas, eles têm uma relação antagônica com aqueles que pagam para usar seu corpo. Muitos não suportam exercer o papel viril que se exige deles na prostituição e o fazem com grande sofrimento, porque não encontram outra forma de ganhar a vida. Vingam-se dessa situação degradante com a mesma arma que a sociedade usa para humilhá-los: questionam a hombridade do freguês e o ridicularizam. (fonte: revista Época)

leia aqui toda a matéria do jornalista Ivan Martins e assista às entrevistas com o psiquiatra Ronaldo Pamplona e com o travesti Miriam Queiroz para saber mais sobre as motivações masculinas.

*** Ronaldo Luis Nazário de Lima, é um jogador de futebol brasileiro nascido no Rio de Janeiro. Já passou por equipas como o PSV, Barcelona, Inter de Milão e no Real Madrid. Foi eleito pela FIFA o melhor jogador do mundo em 1996, 1997 e 2002.

3 comentários:

Camila disse...

muito me admira esses tão homens tão masculos e tão preconceituosos aceitarem tanta incoerencia até pra falar a verdade entre eles mesmos onde até mesmo os homossexuais homens são mais bem aceitos que as mulheres, até nisso..

Anatólia disse...

Os travestis são, de alguma forma, mulheres completas; elas possuem o fala, não são csatradas como as mulheres. Os homens tem medo das mulheres castradas e com as travestis são tomados pela fantasia, ou seja, se algum dia constataram a diferença sexual e temeram tb serem castrados, o grande medo dos homens, com as travestis eles se sentem livres do medo da castração. O homem eleva o falo ao sublime... travestis são mulheres com pênis, tem coisa mais perfeita?. Os homens são muito viados (no bom sentido), o que eles desejam é o viril, a força, por isso as travestis....
Bem, desculpa a viagem... fiquei divagando. Mas mudando de assunto, o post sobre a cidade de Lesbos não querer ser associada ao lesbianismo..., muito interessanto, eu quero saber a fonte. Curiosa a história...
BLZ. Abraços.
A.

Isa Zeta disse...

esse lance de travesti é diferente, né.. eu não sei nem o q pensar.